Você pode retirar o leite dos seios de forma manual ou mecânica..

A ordenha manual é a melhor forma de tirar o leite e ela fica mais fácil com a prática, por isso deve ser aprendida junto com o cuidado com as mamas, durante a amamentação. Ela pode ser feita sempre que necessário e não necessita de equipamentos especiais. A ordenha feita com a bomba tem alguns complicadores como a disponibilidade do equipamento sempre que necessário, o custo, e ainda o risco de lesão dos mamilos. Com o avanço da tecnologia, os equipamentos para extração de leite passaram a ser produzidos com materiais maleáveis e concepção mais moderna, facilitando seu uso e diminuindo esse risco de lesão.

Algumas razões para ordenhar o leite

• Aumentar a produção de leite ou mesmo para manter a lactação.

• Manter a pele saudável, massageando algumas gotas de leite materno nos mamilos.

• Abrandar o ingurgitamento mamário (quando o leite sai espontaneamente).

• Tornar mais flexível a região do mamilo e da aréola, para facilitar a mamada pelo bebê.

• Retirar leite para oferecer ao bebê que não pode ser amamentado.

• Armazenar leite para oferecer ao bebê quando a mãe retorna ao trabalho ou precisa se afastar por um tempo.

• Auxiliar no tratamento de mastite.

• Doar a um banco de leite.

 

Preparando-se para retirar o leite

• Escolha um lugar tranquilo. Ouvir música, receber massagem nas costas, ter uma foto de seu bebê, e até mesmo medicação para a dor, podem ajudá-la a relaxar.

• Tenha um recipiente limpo pronto.

• Se estiver usando uma bomba, que ela esteja limpa e montada.

• Prenda os cabelos e proteja a boca e narinas com máscara.

• Lave as mãos com água e sabão, e tenha as unhas limpas e de preferência curtas.

• Caso tenha que lavar as mamas, utilize somente água, pois o sabão resseca os mamilos.

• Adote uma posição confortável, mantenha os ombros relaxados e um pouco inclinados para frente.

• Faça massagem, com movimentos circulares, da região areolar até a base da mama.

 

Técnica de ordenha mamária

• Posicione o dedo polegar acima da aréola, e o indicador abaixo. Pressione a região areolar com movimento firme, aproximando os dedos e direcionando-os para o tórax, de forma intermitente (tipo “aperta-solta”), até o leite começar a fluir.

• Despreze os primeiros jatos de leite (0,5 a 1 ml).

• Mude a posição dos dedos, para esvaziar todas as partes da mama.

• Aplique as últimas gotas retiradas na região mamilo-areolar, massageando delicadamente.

 

Conservação e descongelamento do leite

Use preferencialmente recipientes de vidro, e eventualmente os de plástico, como polipropileno, para o armazenamento do leite ordenhado.

A Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano diz que:

• O leite humano ordenhado congelado pode ser estocado por um período máximo de 15 dias a partir da data da coleta, se for mantido em temperatura máxima de -3 °C.

• O leite humano ordenhado e refrigerado para ser oferecido pela mãe ao seu bebê, pode ser estocado por um período de até 12 horas, se guardado em temperatura máxima de 5 °C.

• Depois de descongelado, o leite humano deve ser mantido sob refrigeração, em temperatura máxima de 5 °C, por até 12 horas.

• Para descongelar o leite, coloque o recipiente em banho-maria, com água potável, aquecendo um pouco, mas sem ferver. Ao desligar o fogo, a temperatura da água deve estar em torno dos 40 ºC, ou seja, deve ser possível tocar a água sem se queimar. O frasco deve então permanecer na água aquecida até descongelar completamente o leite.   

                                                                                                                                                             

Fonte: Departamento Científico de Aleitamento Materno da SBP